Marquezelli retorna à Câmara

Na pauta estão legalização dos jogos, iluminação pública, tarifas lotéricos, regulatório dos transportes terrestres de cargas  importação de banana entre outros projetos relevantes
 
O parlamentar terá pela frente vários desafios entre eles aprovar projetos fundamentais para o país como a legalização dos jogos, o marco regulatório dos transportes terrestres de carga, a sustação da importação de bananas, da iluminação pública municipal, liberação do porte de armas, redução da maioridade penal entre outros.
 
De acordo com o deputado o ano mais curto devido às eleições gerais  exigirá muito mais dedicação e empenho. "Este ano será  mais curto devido ao processo eleitoral em outubro. Mas para não prejudicar os trabalhos, vamos nos dedicar ainda mais para que 2018 continue produtivo e consigamos aprovar os projetos importantes para São Paulo e Brasil", observou. 
 
Um dos projetos de autoria do deputado Marquezelli bastante aguardado pelos prefeitos paulista é o Projeto de Decreto Legislativo n ° 85/2015 que susta trechos de duas resoluções da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), as quais repassaram às prefeituras a obrigação pela elaboração de projetos, implantação, expansão, operação e manutenção das instalações de iluminação pública. O projeto também suspende a transferência para os municípios de bens das distribuidoras de energia, como luminárias, lâmpadas e reatores, também determinada pela Aneel.
 
De acordo com Marquezelli, as mudanças feitas pela Aneel deveriam ter sido propostas pelo Congresso ou por um decreto presidencial. “A Constituição atribui à União a competência para explorar os serviços por meio de concessão de instalações de energia elétrica”, afirma o deputado. A proposta está na pauta de votação da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) e o Marquezelli fará gestão para sua aprovação. 
 
Outro é o Projeto e Lei 7306/17, que reajusta valores pagos pela Caixa Econômica Federal (CEF) aos permissionários lotéricos pelo recebimento de boletos, faturas de concessionárias de serviços públicos e outros convênios. A matéria também está na pauta do Senado. 
 
Já o Projeto de Lei nº 442, de 1991, que estabelece o marco regulatório dos jogos no Brasil irá abrir novas frentes de emprego e renda, também regularizar atividades como jogo do bicho e Poker  online, que apesar de existirem não continuem para a sociedade. 
 
“Estamos empenhados em causas  que agregam oportunidade de viver melhor com mais emprego e dignidade para os nossos trabalhadores e empregadores brasileiros” reitera Marquezelli. 

 
 
 
0
0
0
s2sdefault
Powered by JS Network Solutions